Quanto pesa o voto evangélico?


Cosmovisão

O peso do voto evangélico voltou a ser um dos temas centrais da campanha eleitoral para a presidência da República. No final de semana que passou a mídia deu destaque à arrancada meteórica da ex-senadora Marina Silva e a repercussão de seus posicionamentos sobre temas morais sensíveis, devido ao fato da candidata ser evangélica e membro da Igreja Assembleia de Deus do Distrito Federal.

O tema, todos nós sabemos, não é novo. Nas eleições de 2010 o chamado “voto evangélico”, o peso da religião e de questões de natureza moral sobre a esfera pública brasileira revelaram-se de forma clara. Para se ter um ideia, a atual presidente petista, Dilma Roussef, durante a campanha daquele pleito visitou igrejas e lançou no início da propaganda eleitoral um documento chamado “Carta Aberta ao Povo de Deus”, no qual, além de reconhecer, vejam só vocês, a importância do trabalho das igrejas de confissão evangélica…

Ver o post original 116 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s